www.cceponline.com.br

A RÁDIO QUE TOCA O SOM DO CÉU

Redes sociais

Programação

08:00:Devocional: programa religioso de 2º a 6º Apresentado pelo Pr.Vilson Sales

08:00:Devocional: Todo Sadabo programa Religioso de oração e estudo da palavra apresentado pelo Pr.Vilson Sales

09:00:Ccepnews: Noticiario em Duas edições de 2º a 6º 1º Edição as 09:00H 2º Edição as 18:00 

11:00:Vidas em avivamento:: de 2º a 6º programa religioso gravado

20:00:Top Gospel Brasil:  de 2º a Sábado programa religioso gravado

 

Casa de Paz

Casa de Paz
Uma ferramenta de evangelismo Bíblica e eficaz.

Este projeto tem por objetivo executar uma estratégia desenvolvida com sucesso pela comunidade Cristã de Ribeirão preto e depois adotada por muitas igrejas no Brasil e no exterior. leia mais

Tempo

 

Crimes virtuais

Visitantes

Temos 117 visitantes e Nenhum membro online

Avaplayer

O AVAplayer é um software de automação para rádios, que se encontra atualmente a funcionar em várias rádios portuguesas e estrangeiras.

SUDÃO: Cristão sudanês será julgado por apostasia
Sudão
INDONÉSIA: Novo projeto de lei preocupa cristãos indonésios
Indonésia
ERITRÉIA: A repressão contra a igreja continua
Eritreia
INDIA: Após ser agredido, grupo de cristãos é detido na Índia
India
IRÃ: Aconselhamento que gera refrigério
Irã
EGITO: Fortalecimento que permanece
Egito
PAQUISTÃO: Governo do Paquistão faz acordo com extremistas
Paquistão
VENEZUELA: Pastor é preso e acusado falsamente na Venezuela
Venezuela

Centros de yoga usam de maus tratos e assédio sexual para reconverter mulheres casadas com cristãos ou muçulmanos.Em Kerala, estado no sudoeste da Índia, uma moça de cerca de 20 anos disse que foi trancada e assediada por 22 dias num centro de yoga. A moça, chamada Shweta,

disse que foi forçada por seus pais a buscar aconselhamento nesse centro de yoga dez meses após seu casamento com um cristão, Rinto Isaac. Lá, ela participou de aulas sobre contradições presentes na Bíblia e no Alcorão. Quando se opôs, suas mãos foram amarradas e ela foi forçada a dormir no chão dos dormitórios, onde as portas dos banheiros não tinham fechaduras.

Shweta, que conseguiu escapar em agosto, disse que havia pelo menos outras 65 mulheres detidas ilegalmente com ela, todas pelo mesmo motivo: ter se casado com homens de outras religiões que não o hinduísmo. “Havia muitas mulheres que estavam confinadas há anos. A maioria delas estava doente e não recebia nenhum tratamento”, disse ela. Segundo Shweta, as mulheres também eram assediadas sexualmente.

Uma outra moça de Kerala, Athira, de 22 anos, deu uma entrevista coletiva em setembro, na qual explicou por que retornou ao hinduísmo após ter se convertido ao islamismo, em julho, quando deixou sua casa. Ela disse que foi visitada por membros do fundo de caridade Arsha Vidya Samajam, que a levaram para aconselhamento em um dos centros de yoga administrado por eles.

No caso de Shweta, a polícia abriu uma investigação, e uma queixa contra cinco pessoas foi registrada, incluindo o diretor do centro de yoga Siva Sakthi, também administrado pelo fundo de caridade Arsha Vidya Samajam. Nos últimos quatro anos, este fundo de caridade afirma que já reconverteu 2 mil garotas que haviam se convertido a outras religiões.

Mulheres cristãs reagem
O Movimento de Mulheres da Índia, a ala feminina do Partido Social Democrata indiano, disse que todas as ações desse centro de yoga têm a mesma marca das cerimônias hindus em que pessoas que tinham se convertido a outras religiões são recebidas de volta ao hinduísmo.

Mês passado, mulheres de diferentes igrejas de Kerala lançaram o Movimento de Mulheres Indianas Cristãs. O propósito é “mudar crenças injustas, práticas e estruturas que perpetuam o patriarcalismo e acentuam a exploração de mulheres, atuando nas igrejas e em vários níveis da sociedade”. Omana Matthew, presidente da comissão de mulheres do Conselho de Igrejas de Kerala, diz que um aspecto que desencadeou a formação desse movimento foi a questão de segurança que as mulheres enfrentam, bem como discriminação e falta de acesso ao desenvolvimento pessoal.

O estado de Kerala tem um alto índice de cristãos – cerca de 20% da população. Sete estados indianos proibiram por lei o proselitismo e tem havido esforços para impor as chamadas “leis anti-conversão” em nível nacional. Tal atitude pode levar ao aumento de ataques contra minorias religiosas, como cristãos e muçulmanos, por parte de militantes que querem que a Índia se torne um Estado hindu.

0
0
0
s2sdefault

Translate

Aplicativo

Agora você já pode levar e ouvir a Radio ccep em qualquer lugar basta baixar e instalar em seu celular ou tablet  Androide nosso app está disponível na loja Google Play

Drogas



MSF Doe agora

 A Organização médicos sem fronteiras precisa de sua ajuda entre no site e faça seu cadastro seja um doador mantenedor dos medicos sem fronteiras. aqui

Contatos

SKYPE: Pr.vilson.sales
CEL: 55+21-9684-22642

sales@cceponline.com.br

 

 

Doações

 

Link1 | Link2 | Link3

Copyright © 2017. All Rights Reserved. Rádio cceponline